quarta-feira, 22 de junho de 2011

Mikao Usui



Mikao Usui - (1865 - 1926)
Pseudonimo - Gyoho


Nasceu em 15 de agosto de 1865 na aldeia de "Taniai-mura no distrito de Yamagata em Gifu Kyoto.

Quando criança, estudou em uma escola-mosteiro budista Tendai. site sobre budismo Tendai http://webspace.webring.com/people/hl/lessabr2001/Tendai.html

Em seu memorial afirmam que era um talentoso estudante que gostava de aprender sobre medicina, psicologia e teologia das diversas religiões em todo o mundo, incluindo o Kyoten. 

Casou-se com o Sadako Susuki, eles tiveram um filho (Fuji) e filha (Toshiko).

Durante sua vida Miako Usui teve muitas profissões diferentes servidor público, funcionário de escritório, industrial, repórter, secretário político, missionário, supervisor de condenados. Ele também trabalhou como secretário particular de um político (Shimpei Goto) foi secretário da estrada de ferro e Secretário do Interior do Estado.

Usui estudou e viajou para alguns países ocidentais e China incentivado durante a Era Meiji e, mais tarde, para aprender e estudar culturas ocidentais.

Em algum momento de sua vida ele se tornou um monge budista Tendai (o que conhecemos  por sacerdote leigo se em uma hipótese estivéssemos falando da igreja católica). Em várias ocasiões, ele meditou durante 21 dias (Uma das formas de obter satori no budismo Tendai). Em seu memorial diz que sua Iluminação aconteceu no Monte Kurama após 21 dias de meditação e assim deu forma  e secularizou o que hoje conhecemos por Reiki Usui Ryoho.

Mikao Usui  descobriu várias técnicas de cura contidas no Budismo Esotérico, na magia japonesa Shugendô, no Shamanismo, nas lições dos deuses Xintoístas e no Taoísmo mágico Chinês e as incorporou em seu sistema de cura natural que funcionaram com várias doenças. Em abril de 1922 ele abriu sua primeira escola / clínica em Harajuku de Tóquio a organização Usui Reiki Ryoho Gakkai (Associação de Reiki pelo Método de Cura Usui) no Japão. Originalmente Usui aplicava técnicas intuitivas em zonas doloridas de seus pacientes mas logo se viu obrigado a criar um manual "Usui Reiki Hikkei".
O pequeno manual que é agora é traduzido para o português publicado pela pensamento - Manual de Reiki do Dr. Mikao Usui - Frank Arjava Petter.
Logo sua fama como curador e professor se espalharam rapidamente por todo o Japão numa época de grandes mudanças no Japão de abertura para o Ocidente e mudanças tanto no governo como na religião. Seus ensinamentos se tornaram populares entre as pessoas mais velhas que os viam como um retorno aos velhos ideais de práticas espirituais.

Em 1923, dia 01 de setembro um terremoto sacudiu Tóquio e Yokohama, medindo 7,9 na escala Richter. O epicentro foi 50 quilômetros de Tóquio. Mais de 140.000 mortes foram relatadas, a maioria das quais foram mortos nos incêndios iniciados pelo terremoto. Foi o maior desastre natural na história japonesa. Mikao Usui e seus alunos começaram a doar Reiki na área e a demanda e necessidade de Reiki era enorme como resultado de seu trabalho se tornou ainda mais famoso.

Em 1925, Usui tinha se tornado tão ocupado que ele teve que abrir uma escola nova e maior fora de Tóquio, em Nakano. Como ele viajava muitas vezes disseminando o Reiki por todo o Japão, seus alunos mais graduados continuaram com seu trabalho quando ele estava fora de sua escola / clínica.








Mikao Usui faleceu em 9 de março de 1926, com a idade de 62 anos - enfarto. Ele está enterrado no Saihoji Templo em Suginami-Ku, Tóquio. Mais tarde seus alunos ergueram um memorial de pedra ao lado de sua sepultura descrevendo sua vida e obra. Grande parte da informação nova sobre Usui Sensei vem da tradução deste memorial.



















PRESIDENTES DA USUI REIKI RYOHO GAKKAI
Organização fundada por Mikao Usui em Abril de 1922
  • MIKAO USUI (1922 – 1926)
  • JUZABURO USHIDA (1926 -1935)
  • KANICHI TAKETOMI (1935 – 1960)
  • YOSHIHARU WATANABE (? – 1960)
  • HOUICHI WANAMI (? – 1975)
  • KIMIKO KOYAMA (1975 – 1999)
  • MASAKI KONDOH (1999 até hoje)
    (atual presidente)


CURIOSIDADES:


Na Escola Usui Reiki Ryoho Gakkai no Japão, mantém-se a tradição de, na prática da Hatsurei-Ho, cantar poesia Waka (A forma poética waka consiste em 5 sílabas na 1.ª linha, 7 na 2.ª, 5 na 3.ª , 7 na 4.ª e 7 sílabas na 5.ª linha.) do Imperador Meiji (entre 1868 e 1912). Os poemas são recitados, ou cantados, de uma forma muito específica. O cântico, a cedência e o ritmo ajudam a desenvolver uma consciência atenta e a purificar a mente para a Hatsurei-Ho.
São um total de 125 poemas... Alguns exemplos



1 - A Lua                                 Mudanças profundas ocorrem
Porque tantas pessoas
Partiram deste mundo
Mas a Lua numa noite de Outono
Permanece sempre igual




2 - O CéU                           Azul claro e sem nuvens





O grande céu
Também eu gostaria
De ter um espírito assim

3 - Em Geral                         Sempre que penso
Nos agricultores que sofrem
No calor dos arrozais
Não posso dizer que está calor
Ainda que seja o caso
10 - A Onda                       Num momento tempestuosa
No outro, calma
A onda do oceano
É na verdade
Tal qual a existência humana
11 - Em Geral                         Se o teu passado
É abastado
E sem problemas pessoais
As tuas obrigações humanas
São facilmente esquecidas
12 - Irmãos                               Por vezes neste mundo
O vento abana as casas
Mas os problemas são ultrapassados
Se os ramos da árvore (família)
Crescerem harmoniosamente
13 - O Espírito                                   Seja o que for que aconteça
Em qualquer situação
É meu desejo
Que o meu espírito se mantenha
Sem fronteiras
14 - Remédios                                         Em vez de comprar
Uma grande quantidade de remédios
É bem melhor
Cuidar do próprio corpo
15 - Em Geral                                            À noite, o som dos mosquitos
Faz-me pensar
Em que margem do rio e em que campo
Aqueles que foram para a guerra
Tiveram de passar a noite
16 - Educação                                                 As jovens senhoras (japonesas)
Estudam arduamente
E pensam nas pessoas virtuosas
Como suas professoras
32 - Pais                                                       O espírito da paternidade:
Ainda que
Já tenhas crescido bastante
Os teus pais ainda te vêm
Como uma criança
33 - Em Geral                                           Os soldados que vão para a guerra
Deixam as suas famílias em casa
Quão corajosos
E dedicados
Ao seu país!
34 - Aves                                                    As aves voam livremente
No grande céu
Não se esquecendo
Da sua casa
E de lá regressar
35 - Aprendendo                             Devias saber
A partir da forma
De como as crianças aprendem
Quanto mais praticas
Melhores resultados alcanças
36 - Gotas de Orvalho nas Flores                                                             As jovens estudantes
Reunidas no campus
Parecem tão frescas
Quanto os Amores Perfeitos
(Adornados) com gotas de orvalho
37 - Sinceridade                                          A sinceridade
Do coração humano
Neste mundo
Até faz uma deidade irada
Chorar
38 - Em Geral                                            É apropriado
Apreciar as flores
Depois de completares o trabalho
Que é suposto fazeres
55 - Medicina                                       Para o bem do nosso país
Gostaria de dar
O elixir da imortalidade
Ao ancião em qual
Eu gostaria de viver
56 - Os Idosos                                        Os idosos
Repetem as suas memórias
Mais e mais
Mas escondidos nas suas palavras
Há valiosos ensinamentos
57 - Fim da Tarde                       Quando o sol
Começa a pôr-se
Tenho saudades do dia
Que passei
Cheio de preguiça
58 - Coração dos Pais                            O sonho da noite de Primavera
Dos faisões
Que se preocupam com os seus descendentes
No campo queimado, suponho que
Não seja pacífico
59 - Medicina                                       O conselho
Dos sinceros
É como uma útil medicina
Mesmo para
Os saudáveis
60 - Em Geral                                  Mesmo um atarefado
Pode arranjar tempo
Seja para o que for
Que realmente queira
Fazer
61 - Relva de Verão                                    A relva de Verão
Representa
O mundo atarefado
Que continua a crescer
Apesar de a cortares
77 - O Coração dos Pais                      Todos irão
Lembrar e compreender
O coração dos pais
Quando eles próprios
Envelhecerem
78 - Sugestão, Conselho                Os ensinamentos dos pais
Consistem de pequenas coisas
Ainda assim são a tua base
Para ir (e ganhar)
no espaçoso mundo
79 - Palavra e Sentimento do Florescimento                                        Apesar de logo caírem após se abrirem
O desabrochar das cerejeiras da montanha
Floresce e espalha a sua fragrância
Durante anos e anos
Sem nunca reclamarem
80 - Pó                                                              É bom
Livrares-te do pó
Quando ele acumula
Ainda que não encontres
Nada de belo debaixo dele
81 - Aprendendo                                 Lamento
A minha atitude de criança
Que aprender
Não compensa
O esforço
82 - Reminiscência                              Penso acerca
Da vida do (meu) povo
Como eles vivem
Vem a chuva
Vem o Sol
83 - A Estrada                                                         (O objectivo) é longínquo
Mas se te puseres ao caminho
No qual o humano deve caminhar
Suponho
Que não haverá qualquer perigo
98 - Mente                                           Mundo largo e espaçoso
Comunicando
A mente humana
Facilmente se bloqueia
Nos seus estreitos espaços
99 - Idosos                                                Não deves reclamar
Somente porque
Ficas-te idoso
Existe um caminho (gracioso)
Para viver com essa idade
100 - Chefe de Família                             A família prospera
Se o chefe da família
Está tão enraizado
Como o poste principal da casa
101 - Reminiscência                    Liderando o país
Para que seja visto como bom
Faço o meu melhor
Usando as minhas faculdades
Ao máximo
102 - Professor                                   Ainda que te tornes um especialista
Dum assunto qualquer
Não te esqueças
Do que te foi ensinado
Pelos teus professores
103 - O Jornal                                             Tanta gente lê o jornal
Por conseguinte
Dever-se-ia escrever
Sobre o que é significativo
Em vez do mundano
104 - Água                                              Que pena
Apesar da fonte
Ser pura e clara
A água torna-se suja
Quando flui por um riacho poluído
119 - Prática (Espiritual)               Escolhido para ser
Um guia
Do mundo
Deve-se ter
Uma atitude correcta
120 - Prática (Espiritual)                        A menos que o teu trabalho aponte
Para o bem estar geral
É muito difícil
Conduzir
Os povos neste mundo
121 - A forma correcta de pensar                                                  Através do oceano
E em todos as direcções
Eu penso em todos os povos como irmãos
Qual é o motivo da guerra neste mundo?
122 - Em Geral                             Prostrado ali:
Um Amor-Perfeito
Trazido à margem do rio
Pela corrente
Ainda a florescer...
123 - Jogo (de Crianças)           Apesar de encontrares um jogo
Se gostarias de o jogar
Não negligencies
As coisas importantes
Na vida
124 - Em Geral                                       Olha para ti
Com frequência,
Sem te aperceberes
Podes ficar perdido
E cometer erros
125 - O Espelho                                                         Devo polir o meu eu
Mais e mais
Para usar o claro
E brilhante coração dos outros
Como um espelho


Nenhum comentário:

Postar um comentário